domingo, 3 de agosto de 2014

Existe vida após a Copa!

Depois de uma Copa espetacular e de um AVC hemorrágico na família, confesso que foi ficando a cada dia mais difícil voltar para o planeta Terra blog. Mas o puxão de orelha do nosso amigo César Pereira (foi você, não?), conselheiro vitalício desta Jihad, talvez tenha, de uma vez por todas, trazido meus pés de volta para o chão: aconteça o que acontecer, jihadear é sempre preciso!

Voltemos, portanto.

E o fazemos em ótima hora: daqui a pouco, às 16:00h, o Timão sobe ao gramado do Couto Pereira, onde buscaremos encurtar para apenas 3 pontos a distância que nos separa do líder Cruzeiro - que, ontem, em que pese o fato de ter jogado fora de casa, não foi capaz de passar de um empate diante deste tão combalido Botafogo. 

Uma vitória hoje, portanto, terá um significado muito maior que a mera soma de três tentos: trata-se de um cartão de visitas, uma carta de intenções; equivale a anunciar que, sim, somos candidatos ao título.

E não nos iludamos: o adversário pode ocupar atualmente o chamado Z4, mas é, historicamente, uma senhora carne de pescoço. De quebra, eles têm um tal de Alexotan - que, mesmo do "auge" de suas 36 primaveras, segue exigindo dos rivais 95 minutos de atenção.

Já o Timão, que perdeu por suspensão Paolo siempre peligroso Guerrero, vai a campo com Petr Cássio; Fágner, Cléber, Gil e Fábio Santos; Ralf 2014 (versão Mano Menezes), Elias, Petros (o Iniesta brasileiro) e Magic Jádson; Romarinho e o novo capetinha Ángel Romero. Ótima oportunidade para analisarmos o desempenho de nosso emo paraguaio no comando do ataque, diga-se.

Acredito em vitória suada, sofrida, daquelas que não convencem muito (provavelmente, pelo placar mínimo)... E, caso o cenário se confirme, a notícia também é boa; afinal, em pontos corridos, também desses momentos se faz um postulante ao título, não?

Que venham os 3 pontos!

VAI, CORINTHIANS!!!

* * * * *

Ok, a culpa é da Globo, sempre intransigente quando se trata do horário de suas novelas. E não, a "solução" apresentada pelo Metrô em nada refresca - aliás, arrisco-me a dizer que só serve para foder os metroviários do último turno com 10 minutos a mais de trabalho. 
Mas não nos esqueçamos de que quando, tempos atrás, a multi-milionária emissora do "bispo" ofereceu um caminhão de dinheiro pela transmissão do Futebol, foi justamente o nosso Corinthians do Seu Andrés o primeiro a implodir com a negociação...

* * * * *


16 comentários :

  1. O silêncio em um momento tão expressivos (o abate dos porquinhos no nosso salão de festas) confesso que me deixou preocupado (lampejos de pai Cézinha) e cheguei a imaginar coisas desse tipo. Tenho um canal no youtube (cesarfutHD) em que gravava e fazia montagens do meu futebolzinho de sábado e quando perdi um dos amigos em outubro de 2012, não gravei mais nada, embora o futebolzinho tenha continuado. Que Deus apare as arestas por ai, e acho que vou voltar a postar lances de altíssimo nível como fazia antes, seguindo o seu exemplo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, César!!!

      E esse jogo, hein?! Como era de se esperar, tá ó: uma bosta!...

      Excluir
    2. Cara!!! Os malditos chutões que atravessam o campo e não dão em nada, a não ser perder a posse de bola. Porra !!! Não dá para treinar um tic taca nosso, com a nossa cara e quando jogarmos fora, tocar até os caras virem buscar e ai então meter umas bolas lá na frente. Não gosto muito do tic taca, mas uma mescla quando jogarmos fora pode ser muito interessante. Veio !!! basta treinar posse de bola com os titulares contra os reservas em um terço do campo (sem as traves) durante 30 minutos por dia de treino, sendo que ganha quem ficar mais tempo com a bola. Melhora a marcação, (o time que está sem tem recupera-la o mais rápido possível) e melhora o toque de bola ( o time que esta com a bola tem que evitar ao máximo perde-la).
      As vezes me sinto ridículo escrevendo estas coisas. Me sinto o Erick Fronn encarnado (O filósofo do óbvio)

      Excluir
  2. Força pra você e sua família, Zé! Torço aí pra que as coisas se encaminhem da melhor forma possível.

    Tô sem ânimo de comentar esse jogo. Mais ou menos como o time tava em relação a tentar ganhar os três pontos. Confesso que não vi até agora nenhum entrevista, mas aposto que a expulsão vai ser a muleta perfeita pra tirar o foco do futebolzinho apresentado antes mesmo de ficarmos com dez. Não vou nem acompanhar pra não passar raiva...

    ResponderExcluir
  3. Cometi a bobagem de assistir o jogo do Cruzeiro no sabádo e desanimei totalmente em relação ao titulo.
    Nossa briga é pela vaga na Libertadores e pelo tetra na Copa do Brasil.

    algumas observações :

    - Para quebrar um pouco o pessimismo vale resgatar comparação do inicio do ano.
    Nesse momento o Corinthians 2014 já supera o de 2013.

    - Sem o Guerrero os atacantes jogaram partidas diferentes. fez falta.

    - Nilmar nesse momento é altamente duvidoso. Mas se for para não trazer ninguém...

    - Fabio Santos. Ainda !
    e o Ferrugem, pelo jeito, é mais um que vai embora sem jogar.

    - Corinthians sonha em ser o Barcelona (o Bayern) mas se transformou no Gremio dos anos 90.
    Joga duro, sofre poucos gols, raramente perde, os adversários odeiam ter de nos enfrentar.
    a escola fez escola.

    - o terceiro uniforme serve pra que ?

    ResponderExcluir
  4. Bom... de início reforçar a torcida do João Luís: força pra vc e sua família. Sobre o time eu acho que vai oscilar até se firmar de vez. Apesar do resultado frustrante de hoje não creio que seja o momento de desesperar, de achar que tudo está perdido, que o Cruzeiro é insuperável bla-bla-bla.... Eu não quero que o Corinthians seja um Bayern ou um Barcelona, quero que seja igualzinho ao time que conquistou o brasileirão de 2011. E por falar nisso, o comandante daquela conquista está livre no mercado rsrsrrs
    (Múcio Rodolfo)

    ResponderExcluir
  5. Caros AMIGOS da nossa jihad...
    Levante todos sacudi vossas carcaças e sigamos pois somos guerreiros e todo Guerreiro guerreia.Todo mundo quer a roupa de Guerreiro mas ninguém quer guerriar...eu sei muito bem como é. Isso....vejo isso todos os dias.....O bom caminho é arenoso e estreito mas AKI um tem o apoio incondicional do outro, estamos desanimados em todos os sentidos mais não EU DIGO não estamos derrotados.
    Vamos lá irmãos nada como um dia depois do outro.Deus abençoe a todos.

    O imperador.longa vida a jihad.

    ResponderExcluir
  6. Puta que pariu eu escrevi sacudi....fui querer ajudar e dei uma aula de analfabetismo virtual....em todo caso.....a mensagem é todo mundo apoia todo mundo.....e ao nosso guru da nossa inenarrável porém maravilhosa jihad desejo apoio sempre apoio com a bênção de Deus, ajuda de São Jorge e gol roubado aos 45 do segundo.
    Força Zé.creio que escrevo por todos porque todos torcemos po você.
    Vai Corinthians

    O imperador .longa vida a jihad.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, Imperador! Agradeço a todos os amigos e conselheiros da Jihad pela força.

      E segue o jogo; domingo tem clássico naquele pardieiro infecto da baixada...

      Excluir
  7. Cuidado !!! Estamos caindo na conversa dos manipuladores de mídia, e favorecendo a campanha destes para frear o Timão. O jogo contra o Coxa, foi feio, mas os demais foram horríveis e só se fala no jogo feio do timão. Casagrande e Cleber Machado mal o jogo tinha começado e comentavam a todo o tempo que o jogo era medonho Estranho não ? A emissora paga uma fortuna para o clube e fica espantando a audiência minuto à minuto ? (pensem com calma sobre este fato e vejam que é realmente estranho). Na sequência os comentários eram só o jogo feio do Corinthians, ficando um falsa noção de que assistir o timão jogar é certeza de jogo feio (Para espantar a audiência e diminuir os valores de direito de imagem?). Até nós caímos nesta (alguns comentários acima, inclusive o meu). Quero o título (óbvio) mas aceito com muita satisfação o G4 caso de não conseguirmos acompanhar a raposa. Se a porra do jogo vai ser feio ou bonito para aquele bando de imbecis globais eu não quero nem saber. Outra coisa!! A tão cantada em versos e prosa maravilha amarelinha, todo mundo viu no que deu. Mano !!! Tens meu voto de confiança, com jogo feio ou bonito quero disputar a libertadores (talvez seja este a principal meta para este ano). E a tal da reunião com os clubes para cobrar um futebol mais bonito? Reflitam mais profundamente sobre os últimos acontecimentos, acho que não é só teoria de conspiração deste conselheiro vitalício (obrigado pelo título Zé).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sinto isso, César. No Linha de Passe dessa segunda, os primeiros 15 minutos foram dedicados a jogar sobre os ombros do Mano Menezes o péssimo nível do futebol nacional - como se alguém mais além de Cruzeiro e do tetra-rebaixado Fluminense estivesse mostrando algum futebol neste momento.

      E me refiro apenas aos primeiros 15 minutos porque foi somente até onde meu fígado me permitiu assistir... a "análise" nada tendenciosa de Trajano e Cia pode ter ido bem mais longe, de repente...

      Excluir
    2. Esses ai Zé, (Mauro Cesar, Trajano e Antero Greco) são contumazes, clubistas e sem ética jornalistica e não perderam a oportunidade, mas confesso que a campanha Global me preocupa mais, por razões óbvias.

      Excluir
  8. Gosto do Trajano, não acho que ele fica falando contra o Corinthians, ele é contra todos.
    Pior é o JK, torcedor contra o próprio clube.
    Mas, pica preles, de gaúcho em gaúcho o Mano é o único que trata com respeito a tatíca (paroxítono).
    Só que não dá tesão nos caba, e isso é fueda.

    ResponderExcluir
  9. Concordo com o César, não tô nem aí pra jogo bonito no Timão (desde quando isso importa pra nós?) Minha preocupação é única e exclusivamente referente às chances de título do Timão.

    Só um parêntesis. Esse papinho aranha de ficar resmungando contra o nível do futebol brasileiro eu ouço desde 90, quando eu comecei a acompanhar futebol. O papo é sempre rigorosamente o mesmo: "o Brasil não faz mais craques como antigamente". Acho que não existe classe profissional mais desmemoriada do que jornalista esportivo (com exceção do PVC - sei que vocês não curtem muito ele também, mas é o único que eu respeito).

    Voltemos ao Timão. Excluindo, portanto, o fator beleza de jogo (que é coisa de bambi e velho mala) a análise que importa, na minha opinião, é se está havendo alguma evolução rumo ao potencial máximo de rendimento do elenco que temos. Na minha opinião há, sim. A defesa foi arrumada mais rápido do que imaginava (confesso que no início do ano cheguei a cogitar que sacrificaríamos todo o ano acertando o setor) e em dias mais felizes o Corinthians consegue ter apresentações bastante consistentes.

    Agora é dar tempo de trabalho, para corrigir defeitos e evitar que oscilações aconteçam. Papinho meio batido, eu sei, mas explica isso lá para o Flamengo. Mas folgo em saber que trabalho a longo prazo já é regra a algum tempo no Corinthians. O novo Timão (pós-2007) é assim: maloqueiro só na arquibancada.

    ResponderExcluir

Comentários ofensivos ao Coringão serão DEMOCRATICAMENTE excluídos, sem exceção. Noves fora, a palavra é sua.